Horário: Encerrado ao público por motivo de obras de reabilitação do edifício

SALA COLONIAL. PROJETO ARTÍSTICO E EDUCATIVO 

na segunda Escola de Verão da Fundação Calouste Gulbenkian

 

A convite da Fundação Calouste Gulbenkian, o Museu de Lamego vai participar na segunda Escola de Verão, a decorrer entre 21 e 23 de setembro de 2022, dedicada ao tema Museus e Comunicação. 

Comunicar o global no local: coleções históricas de arte do “outro” e diásporas contemporâneas é o assunto do painel que no do dia 22, a partir das 16h00, reúne as perspetivas do Museu do Louvre, do Museu de Lamego e do Asian Art Museum of San Francisco que “que têm vindo a inovar de modo a criar novas formas de comunicação com os habitantes locais, abrindo espaços de reflexão, de diálogo, de debate que permitam promover a tolerância, o conhecimento e a compreensão mútua” (Fundação Calouste Gulbenkian).

Nesse contexto, o Museu de Lamego irá partilhar algumas reflexões sobre o projeto artístico e educativo Sala Colonial, desenvolvido em 2022, com a artista Catarina Simão, envolvendo o Agrupamento de Escolas de Latino Coelho de Lamego.

Tendo como ponto de partida a coleção de artefactos de origem africana que faziam parte do recheio da Sala Colonial montada no antigo Liceu Nacional de Latino Coelho, em depósito no Museu de Lamego, o projeto Sala Colonial faz referência à antiga sala instalada no contexto de exaltação propagandística de promoção do Império junto de institutos e liceus públicos, levada a efeito pelo Estado Novo. Entendido como um projeto pedagógico-reflexivo, o projeto teve como principal objetivo promover a ativação de uma educação crítica e de autoquestionamento em relação ao passado colonial e às suas representações, através da participação de alunos e professores, bem como a comunidade lamecense em geral, no sentido de trabalhar novas interpretações para a coleção, desvinculando-a da ficção propagandística levada a efeito durante o Estado Novo. O projeto desenvolveu-se no contexto de residência artística de Catarina Simão, em Lamego, entre os meses de fevereiro e março passados. Três meses depois, a artista regressou a Lamego para mostrar, em filme, o desenrolar de todo o processo.

Conheça o programa da edição deste ano da Escola de Verão em: https://gulbenkian.pt/museu/agenda/escola-de-verao-2022/, com transmissão em direto através do link:  https://gulbenkian.pt/museu/en/agenda/summer-school-2022/.