Horário: Todos os dias. Das 10h00 às 12h30 e das 14h00 às 18h00

Capela de São João Batista

Capela de São João Batista

Na primeira metade do século XVII, a função dos retábulos é essencialmente emoldurar pinturas ou imagens e relevos policromados numa sucessão de registos horizontais e verticais separados por colunas e encimados por frontões, como sucede nesta capela, quase totalmente revestida por pinturas de temática religiosa, alusivas à Virgem, a Jesus e a diversos santos, com destaque, naturalmente, ao padroeiro, a merecer um ciclo narrativo constituído por sete tábuas a rodear o nicho principal. No conjunto de pinturas, reveladoras de um tratamento mais ou menos cuidado, de acordo com os recursos dos próprios pintores, é evidente a apropriação de modelos ensaiados por mestres europeus, difundidos, entre nós, através da circulação de gravuras.

A capela integra um conjunto de três capelas e um retábulo provenientes dos claustros do mosteiro das clarissas de Lamego. Fundado em 1588, foi extinto em 1834, na sequência da extinção das Ordens Religiosas, mas só mais tarde viria a encerrar portas, por motivo da última religiosa, em 1906.

 

Portugal

1645

Madeira entalhada, dourada e policromada. Pintura a óleo sobre tela e sobre madeira

Proveniente do Mosteiro das Chagas de Lamego

Inv. ML122